Música

Em tour pelo país, artista italiano Fukte se apresentará na próxima quinta-feira em Joinville

Inicia-se nessa sexta-feira (12/10) a turnê do artista de música experimental Fukte, ao lado do Sŭāsum, começando com a apresentação na Audio Rebel (Rio de Janeiro) e seguindo por Minas Gerais, São Paulo, Santa Catarina e novamente São Paulo. Diretamente da Itália e pela primeira vez na América do Sul. Fukte (pronuncia-se Fooktæ) começou por volta de 2004, como projeto solo de Fabrizio De Bon, performer de noise e músico experimental autodidata de Belluno (Itália), proprietário do selo Toxic Industries, que lançou sua primeira cassete em 2009. Originalmente influenciado por noise japonês, cenas industriais e ruídos europeus dos anos 90, o estilo de Fukte evoluiu por uma pesquisa contínua em diferentes áreas, como drone, música concreta e harsh noise wall. As composições de Fukte e performances ao vivo são físicas e poderosas, incrementadas com controles de fontes, caixas de sucata e até uma esmerilhadeira (!). Suas faixas são o resultado de alternâncias de […]

T.A. Greatest Hits

T.A. Greatest Hits: Adonis – H.O.U.S.E.

Essa é uma nova coluna aqui no Metranca; numa passagem de volta ao passado, revivendo os maiores (anti-)hits ainda presentes nas minhas playlists que têm a capacidade de alterar ou catapultar o meu estado de espírito ao ouvir. Os melhores sons que você não lembra se já ouviu ou faz questão de não ouvir. E hoje vamos recapitular um pouco dos primeiros passos da house music (e do acid house), há mais de 30 anos atrás, revivendo uma poderosa pepita. Os primórdios do house datam de casas noturnas em meados dos anos oitenta na cidade de Chicago, embora muitos afirmam ainda que teve o seu início no final dos anos setenta (mais especificamente em 1977), quando Frankie Knuckles (o criador aparente e um dos seus mais representativos ícones) estreou como DJ principal (entre 1977 e 1982) no lugar conhecido como The Warehouse – casa noturna cuja a maioria do público era de negros, gays e […]

Artes Visuais

Quadro se autodestrói após ser leiloado em Londres

O grafiteiro anonimo mais famoso do mundo, popular por suas obras com críticas sociais e políticas, colocou um de seus quadros à venda em um leilão na famosa Sotheby’s, em Londres. Quando o estêncil batizado de A Menina com Balão foi arrematado por 1,4 milhão de libras (cerca de R$ 5 milhões), um dispositivo eletrônico foi acionado no quadro e o desenho foi picotado por um cortador de papel escondido por trás dele. View this post on Instagram . "The urge to destroy is also a creative urge" – Picasso A post shared by Banksy (@banksy) on Oct 6, 2018 at 10:09am PDT Horas mais tarde, o artista plástico explicou o truque num vídeo publicado no Instagram. “Há alguns anos escondi uma destruidora de papel numa pintura”, lê-se na introdução do vídeo, que mostra a montagem. “Para o caso de alguma vez ser colocado a leilão…”, completou. A empresa de leilões onde ocorreu o […]

Destaques

Pesquisadoras brasileiras desenvolvem pão feito com farinha de barata

À primeira vista pode parecer nojento e até asqueroso, mas a motivação tem as melhores das intenções. Preocupadas com as escassez de alimentos no mundo devido à superpopulação humana, pesquisadoras da Universidade Federal do Rio Grande (UfRG), no Rio Grande do Sul, criaram um pão que é fabricado com farinha de barata desidratada. Isso mesmo: as baratas são um ingrediente importante na fabricação. O experimento foi divulgado pela BBC Brasil. Vale destacar, no entanto, que as baratas usadas para a fabricação do pão não são aquelas que causam pânico nas pessoas e circulam pelos esgotos. Os insetos usados como ingrediente são as chamadas baratas cinéreas (Nauphoeta cinérea), de origem africana, produzidas em cativeiro e próprias para o consumo humano.   A escolha da barata, dizem as pesquisadoras, é uma alternativa para substituir a principal proteína animal de consumo humano, a carne bovina, e tem cerca de 20% mais valor protéico do que […]

Destaques

Impar realiza “Diálogos Arte para Todos” em Barra Velha

Terceira edição dos encontros em 2018 será dia 8 de outubro, no Studio de Dança Camila Lorenzetti, em Barra Velha Fotos: divulgação IMPAR Vem aí mais uma edição do “Diálogos Arte para Todos”. Será na próxima segunda-feira, 8 de outubro, das 14h às 17h, no Studio de Dança Camila Lorenzetti, na rua Odorico Magalhães, 335, em Barra Velha. Promovidos pelo Programa de Formação Cultural Arte para Todos, unidade artística que integra o Instituto de Pesquisa da Arte pelo Movimento (IMPAR), os “Diálogos” são encontros didáticos, focados no papel transformador da arte no contexto social e cultural da inclusão. A atividade é gratuita, voltada para estudantes e profissionais de educação, artes, assistência social e saúde. Estão abertas 30 vagas, e as inscrições podem ser feitas no local, a partir das 13h30. Esta edição conta com o apoio do Edital Elisabete Anderle, da Fundação Catarinense de Cultura, do FUNCULTURAL e do Estado de Santa Catarina. O encontro contará com […]

Trajeto Alternativo

Sinta o espírito metaleiro agindo sobre você no novo filme/live do Carpenter Brut

Já comentamos aqui nesse espaço um pouco de como o synthwave se molda como estética artística na música, trazendo para o contemporâneo o culto à John Carpenter, Tangerine Dream, Vangelis, Goblin, Dario Argento, Giorgio Moroder  e outros similares. No cinema atual, isso gerou e ainda gera frutos também – como em Drive, Kung Fury ou Enter the Void -, mas isso é papo para outra hora. Inspirado no mundo de Carpenter Brut, incluindo o seu mais recente álbum Leather Teeth, o grupo francês de mídia Arte Concert resolveu gravar o show de lançamento da coleção de faixas e montou uma filmagem que corre entre cada música. Tudo num ambiente que mais parece uma festa de alguma associação atlética universitária por aí… Quando Bret Halford, o geek do ensino médio, se apaixona pela garota mais bonita do campus, todos os meios são bons para enfrentar a concorrência … Diante dessa situação, não há outra escolha: ele deve se tornar Leather Teeth, […]

Trajeto Alternativo

Novo punk: confira os lançamentos do último outono do selo curitibano Meia-Vida

O Meia-Vida nasceu em Curitiba, em meados de 2012, fundado por Aline Vieira e Gustavo Paim que queriam lançar seus sons e sons que eles gostavam de amigos, assim, decidiram criar um selo para isso. Havia o apreço pela estética de lançamentos de noise e música industrial dos anos 80 em cassete, mas se questionavam sobre o motivo de lançar nesse tipo de material na era do pós-MP3; até que um dia ao ouvir o som “Half-Life”, do Swans, e debatendo sobre várias questões do selo, chegaram ao ponto chave: meia-vida. Em entrevista ao site O Volume Morto, Aline conta que o termo tem origem na existência necessária para alimentar essa produção musical, por terem nascido sem os privilégios para conseguir equipamentos ou material – além do conceito químico, que trata da semi-desintegração dos elementos. O selo explora as possibilidades sonoras da fita cassete, à sua degradação natural e o fato dela tornar-se ruidosa com […]

Colunas

Grupo de teatro é impedido de apresentar peça em Santa Catarina

O grupo Harmônica Arte e Entretenimento foi impedido de apresentar a peça “A menina e sua sombra de menino”, agenda para os dias 18 e 19 de setembro de 2018, na Cidade de Campos Novos, Santa Catarina. O motivo? Alguns membros da comunidade se organizaram via mídias sociais e ameaçaram os artistas alegando o grande “perigo” que a obra em questão representava para as crianças. A peça conta a história de uma menina que, além de brincar de bonecas e pular corda, gosta também de futebol, brincar com carrinhos e jogar videogame. Segundo a nota do próprio grupo, não há menções no trabalho sobre sexualidade ou assuntos semelhantes.  Abaixo, as Notas Oficiais do Grupo e da Federação Catarinense de Teatro, bem como algumas imagens do linchamento virtual que os artistas estão passando.  NOTA OFICIAL EM APOIO À HARMÔNICA ARTE E ENTRETENIMENTO DEVIDO À NECESSIDADE DE CANCELAMENTO DE APRESENTAÇÕES NA CIDADE DE CAMPOS NOVOS A Federação Catarinense de […]

Colunas

Taekwondista conquista medalha de bronze representando Joinville no JASC

Na última semana, a atleta Letícia de Souza da Silva, 16 anos, conquistou a medalha de bronze no Taekwondo, lutando na categoria até 68 kg no Jogos Abertos (JASC). A No Kachi entrevistou a jovem guerreira para saber um pouco mais sobre ela. Confira. No Kachi: Conte um pouco sobre a sua trajetória no JASC.  Letícia Silva: Comecei a competir no JASC no ano passado. Esse foi meu segundo. Eu lutei duas vezes: a minha primeira luta, que foi contra Jaraguá do Sul, ganhei e passei para a semi final, onde enfrentei a atleta Cristiane Busatta, de Chapecó. Infelizmente não consegui passar para a final e acabei ficando com o 3° lugar. NK: Como foi a sua preparação para o JASC? LS: Foi boa! Graças ao meu técnico, tive um bom preparo para a competição. NK: Precisou dividir a sua rotina de treinos com o trabalho ou estudos, por exemplo? LS: Sim. Eu estava trabalhado alguns […]

Ver mais

Garagem Coletiva

Colunas