Seminário discute gênero e sexualidade em Joinville

Release oficial:

Primeiro evento desse tipo é organizado pela Associação Arco-Íris e acontece na próxima semana

Com a intenção de criar um espaço de formação e informação sobre questões de sexualidade, identidade de gênero e cultura LGBT em Joinville, a Associação Arco-Íris promove o 1º Seminário Inventando Gêneros, dos dias 16 a 19 de setembro. O evento conta com o apoio do Núcleo de Estudos em Comunicação (Necom), do ensino superior do Bom Jesus/Ielusc.

A programação do Seminário conta com apresentações de artigos acadêmicos, que são resultados de pesquisas sobre as temáticas propostas, exposição de fotografias, mostra de cinema, textos jornalísticos, performances e apresentações teatrais.

“Os estudos de gêneros já são muito conscientes no meio acadêmico, com muitos trabalhos sendo produzidos, mas ainda há poucos espaços para discussão desses estudos, que precisam ser conhecidos pela sociedade de forma séria e menos ligada a dogmas”, afirma Sabrina Souza, membro da organização do Seminário.

O evento começa no dia 16 com apresentações de trabalhos acadêmicos. Dos 10 estudos selecionados para o Seminário, ao menos três abordam as temáticas de gênero e sexualidade relacionadas à educação.

Para um dos membros da organização, o professor de artes Jefferson Kielwagen, da Associação Arco-Íris, a sociedade vive um momento propício para a realização desse evento. “Recentemente vimos o Plano Municipal de Educação ser aprovado sem se referir às questões de gênero e sexualidade e os movimentos sociais que discutem essas questões serem deixados de lado. Há uma enorme desinformação sobre essas temáticas e por isso é tão importante discutir o assunto”, afirma.

No dia 17, o evento recebe a historiadora Laysa Carolina Machado, primeira mulher transexual eleita democraticamente como diretora de uma escola da rede pública de ensino no Brasil. “Antes que eles conhecessem a transexual, eu queria que eles conhecessem a professora Laysa. Apenas falei sobre a minha identidade de gênero quando percebi que alguns alunos passavam por conflitos com relação às suas identidades”, conta a professora sobre como foi seu início na escola em que leciona.

No evento, ela irá contar sobre sua experiência de ensino no Colégio Estadual Chico Mendes, na região metropolitana de Curitiba, e dos desafios da educação com relação à temática. “Desde 2013 eu dizia que os retrocessos de políticas públicas estavam latentes no Brasil. O que vemos agora com relação aos planos de educação se reflete no cerceamento dos nossos direitos, aumento da exclusão e da violência”, reflete.

A apresentação dos trabalhos e a palestra com Laysa acontecem na unidade central do Bom Jesus/Ielusc. Já a mostra audiovisual “Cinema ao Bafo” tem lugar marcado no Sesc para o dia 18. Treze filmes foram selecionados de todo o Brasil. As sessões têm classificação indicativa.

O evento encerra no sábado (18) com a apresentação da peça Árida Coragem, do Coletivo Toca de Arte, formado apenas por mulheres. O espetáculo é uma adaptação do texto Agreste, de Newton Moreno e conta um drama amoroso, discutindo sexualidades de forma poética. A Dionisios Teatro também se apresenta no último dia com Teatro Playback.

Durante todo o evento, haverá exposição fotográfica e apresentação de performances. Todas as apresentações são gratuitas e abertas ao público. A programação completa pode ser conferida no link http://bit.ly/1ENKmQ7

Mais informações pelos contatos:
Patricia: 8865-9204
Marcos: 9956-6294
Sabrina: 9224-4192

 

Gostou do conteúdo?


Curta a nossa fanpage no Facebook:  
e siga-nos no Twitter:  

O Metranca agora está aceitando conteúdo enviado pelos leitores!
Confira em: https://coletivometranca.com.br/contribua-com-o-metranca/

Veja Também

Metranca
Sobre Metranca 210 Artigos
O Coletivo Metranca é um portal que trata de comunicação e arte. Formado em Joinville, Santa Catarina, o coletivo surgiu em 2011, como opção e espaço para atender demandas do setor cultural da região.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*