De Joinville, Hailom Bruno traz um rap sem firulas em Alvo de Mudança

O Coletivo Metranca destacou a tempos o quanto a cena do rap joinvilense é ativa e forte (leia aqui). E claro, isso não possui e nem necessita de qualquer apoio superior para continuar existindo; o rap é uma maneira de se expressar totalmente autêntica e que carrega o DIY (“faça você mesmo”), pois cresce naturalmente na mente de cada um que é influenciado por ele para que essa gana se transforme em rimas e atinja ainda mais pessoas.

Hailom Bruno está entre esses nomes que se inclui no movimento do rap joinvilense. Na ativa desde 2004, no qual esteve entre os membros do grupo Impacto da Rima, também fundou, em 2005, o coletivo artístico Ramal 047 – responsável por apoiar, produzir e divulgar a cultura de rua na nossa cidade.

De lá pra cá, Hailom esteve sempre envolvido na cena, e até lecionou aulas onde o próprio dividia a sua experiência na composição de rimas. Disso tudo, o resultado final é Alvo de Mudança, que, segundo Hailom, o título é resultado da “constante transformação a que se refere as músicas desde o princípio do projeto, há 4 anos atrás”.

“Pegada de Gigante”, com um clipe divulgado ainda em 2014 (assista abaixo), é exatamente o seu som mais antigo – que possui, inclusive, um samplear de “O que Importa é o Nosso Amor”, do cantor da jovem guarda Paulo Sérgio. De “O Time Que Toca o Terror” à “Pra Quem Desacreditou”, todos os sons transmitem uma verdade e um censo de realidade únicos, onde o importante é o próprio sentimento de Hailom passado adiante e não beats extremamente rebuscados. Podes ouvir o álbum, na íntegra, no soundcloud do artista.

Gostou do conteúdo?


Curta a nossa fanpage no Facebook:  
e siga-nos no Twitter:  

O Metranca agora está aceitando conteúdo enviado pelos leitores!
Confira em: http://coletivometranca.com.br/contribua-com-o-metranca/

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será divulgado.


*